30/03/2017

Como se vestir de forma romântica para um primeiro encontro

30/03/2017
Oláaaa, divas e divos! Tudo bem com vocês? Eu to bem! <3

Para dizer a verdade, eu tive apenas um primeiro encontro em toda minha vida e foi com meu namorado. Para a ocasião, não me arrumei como gostaria, pois, tinha acabado de chegar de viagem e o encontrei com a mesma roupa que havia ido até lá, mas confesso que por várias vezes imaginei esse momento e tinha até certeza de como queria me vestir: de maneira discreta, romântica, elegante e confortável. Discreta, pois, sou muito desajeitada e não queria nenhum constrangimento como por exemplo, uma saia curta que precisasse ficar abaixando a todo momento, romântica pois sempre acreditei em histórias de amor a primeira vista (me julguem), elegante pois acho que é uma ocasião ideal para se vestir da melhor forma possível e confortável para que eu pudesse ficar relaxada e curtir o momento sem me preocupar com outras coisas. Pensando nisso, separei alguns looks para inspirar vocês meninas, que como eu, prezam pela liberdade de movimentos e conforto, ainda mais num momento de nervosismo como um primeiro encontro (e coloca nervosismo nisso! hahahaha).
Vamos lá então!


PRIMEIRO ENCONTRO + SAIA 
Como eu disse anteriormente, saias muito curtas ou justas correm o risco de ficarem subindo enquanto caminhamos, por isso optei por trazer três looks com saias midi. A saia abaixo dos joelhos por muito tempo foi considerada coisa de mulheres conversadoras, porém, hoje sabemos que isso é bobagem e é um estilo elegante e muito feminino e confortável.



As saias mais curtas (como essas de botões) ao serem usadas com meia calça deixam o look elegante, jovem e casual e não precisamos muito nos preocupar com a possibilidades de subirem. Se não quiser usar meia calça, tudo bem, o look continua muito bonito e feminino. Novamente coloquei a saia midi no segundo look, dessa vez com um suéter trazendo um ar vintage e extremamente romântico (to apaixonada por esse look).



PRIMEIRO ENCONTRO + CALÇA

No look número 1 vemos a blusa ciganinha sendo usada com tênis e calça flare trazendo ar de descontração a um look que tinha tudo para ser mais adulto. Novamente podemos ver que camisa não é sinônimo de escritório e pode ser usada sim em momentos mais descontraídos, com um jeans ou um tênis.




Primeiramente: estou incrivelmente apaixonada por estes looks, socorro! hahahaha
Adoro usar a cor marrom no outono/inverno, acho elegante, vintage, romântico, discreto, associo ao conforto, aos dias frios junto a tv assistindo um filminho e tomando chá. Escolhi três looks com essa cor, todos descontraídos, elegantes, modernos e ao mesmo tempo românticos.



PRIMEIRO ENCONTRO + SHORTS
Shorts também podem ser elegantes e românticos! Sim, até os mais curtinhos, desde que saiba dosar na parte de cima. Adoro a junção de shortinhos e camiseta, assim como segundo look. Deixa uma aparência de menina mulher, romântica e ousada, pronta para ser quem é! O primeiro e o último look, com regatinhas mais soltinhas no corpo, ficaram lindas por dentro do short, assim deixando o look mais elegante.


















Novamente podemos usar e abusar das meias-calças! Shortinhos de tecido ficam muito elegantes com casacos e com ankle boots deixam o look bem jovial. Lembre-se sempre que o importante é não passar frio! Conforto em primeiro lugar.



















PRIMEIRO ENCONTRO + VESTIDO
Vestidos, na minha opinião, são as peças mais românticas do armário de uma mulher. Escolhi novamente, pelo conforto, três estilos mais soltinhos e compridos, para que os movimentos não fiquem limitados. Vestidos vintage como o primeiro e o segundo costumam marcar a cintura, destacando essa parte do corpo. O segundo, com manga boca de sino, está super na moda!



















Como o inverno do Brasil não é tão rigoroso quanto outros países, podemos optar por vestidos mais grossos e de mangas compridas que servem como um casaquinho no frio ou então por jaquetas coloridas, como a do segundo look. O terceiro look, para um inverno mais rigoroso, traz um cachecol servindo como lenço para a cabeça, algo retrô e muito usado antigamente. 




























E então, meninas e meninos, o que acharam dos looks? Comentem aqui embaixo e vamos conversar sobre os primeiros encontros de vocês! Beijão!

20/03/2017

Tênis Branco Combina com Tudo

20/03/2017
Oláaaa, divas e divos! Tudo bem com vocês? Eu to bem, hoje é segunda-feira e eu não tenho aula presencial. Para quem não sabe, curso Psicologia, primeiro semestre e estou amando! Porém, existe uma dificuldade: com qual sapato devo ir para as aulas? Eu sou a louca do chinelão, sabe? Mas as vezes quero ir mais arrumadinha, sem contar que começou o Outono (to feliiiiz) e agora fica difícil ir de sandália ou chinelo, né? Então passeando pelo shopping esses dias, decidi entrar numa loja e me deparei com um par de tênis branco lindo! Experimentei e na mesma hora percebi que é a opção ideal para os dias mais frios na universidade. O bom do tênis branco é que combina com exatamente tudo (deve combinar até com vestido de gala hahahaha) e eu separei aqui uns looks de inspiração para vocês. Vem dar uma olhadinha!

Tênis Branco + Vestido 

Eu realmente adoro esse estilo! Sempre curti tênis com vestidos, mas admito que na minha época achavam isso meio estranho, então, to amando essa moda de tênis com tudo, me sinto livre pra usar como quiser! 
De olho nos looks: 1 = estilo despojado, bem feminino e esportivo, misturando elementos como vestido e boné; 2 = vestido tubinho com jaqueta oversized e bandana amarrada no pescoço. Tudo isso junto ficou uma vibe vintage e rocker; 3 = a sobreposição está em alta e com tênis branco fico ainda mais descolado. O choker deu um up no look! 




Tênis Branco + Calça Jeans 

Tênis e calça jeans = combinação mais antiga e fashion do mundo! Deixa a mulher feminina e despojada, é elegante, jovem e moderno, então, meninas, vamos usar e abusar desses dois juntos porque é sucesso garantido! 
De olho nos looks: 1 = Calça destroyed com moletom e casaco. O casaco e a bolsa deixaram o look com ar mais elegante, discreto e adulto, enquanto que a calça destruidinha deixou tudo mais jovem e descolado; 2 = Blazer, calça boyfriend e camiseta listradinha. Tudo isso tornou o look moderno, chique e feminino. A bolsa rosa e na altura da barriga quebra a seriedade do look; 3 = Calça destroyed, meia arrastão, camiseta e jaqueta de couro. Look 100% vintage e rocker. O óculos escuros lembra os que Ozzy usava e a camiseta de banda da ainda mais ênfase ao estilo. A meia está super em alta, deixa o look com cara de rebelde e descolado.




























Tênis Branco + Saia 

Tênis com saia segue o esquema do tênis com vestido: é feminino, pode ser elegante, é confortável e cria looks incríveis! 
De olho nos looks: 1 = Camisa, saia e bolsa com franjas. A saia com botões na frente é tendência e junto com a bolsa com franjas e camisa com babados criou um look country muito bonito. O tênis veio para quebrar um pouco esse estilo e acrescentar um quê de street style; 2 = Camiseta, saia de couro com tachas. A combinação saia de couro e camiseta esportiva deixou o look muito bonito e jovem. Adicionando o tênis com listras pretas, combinando com a saia e o óculos espelhado, o look ficou super divo e irreverente; 3 = Camiseta e saia. Esse look poderia ser simples, porém, é extremamente romântico. O choker de cor clara ajudou a criar uma aura de simplicidade e as cores pastéis tornaram o look bem girlie. 

Sami MauskopfFrancesca FelixArūnė Jurevičiūtė


















Tênis Branco + Shorts 

Tênis com shorts é certeza de look bafônico, amigas/os! Há mil e uma maneiras de combinar para que o look pareça bem informal ou até um look mais elegante. Lembrando sempre: tênis não é sinônimo de relaxo e simplicidade, mas sim de conforto e beleza! 
De olho nos looks: 1 = blazer branco, camiseta e short jeans. Dessa vez o blazer chega pra quebrar o ar informal do look, trazendo elegância; 2 = Short jeans, cinto preto, camiseta e bandana. Novamente a bandana amarrada no pescoço traz um ar vintage e rocker para o look. O shorts cintura alta e a camiseta sem decote remetem a peças vintages e combinam muito entre si; 3 = Casaco, camisa e shorts. O shorts destroyed junto com a camisa branca com todos os botões fechados deu um ar super discreto e chique ao look. O casaco sobre os ombros deixou o look ainda mais adulto.


















Como puderam ver é muito fácil conseguir um look divo com tênis branco! Logo logo posto fotos com o meu para mostrar como geralmente me arrumo para ir a faculdade. 

Gostaram dos looks? Usariam todos? Conta pra mim nos comentários! Beeeeijos!

17/03/2017

Motivos para assistir Downton Abbey

17/03/2017
Oláaa, divas e divos!! Tudo bem com vocês? Eu to bem!

Vocês gostam de história? Ou pelo menos de filmes e séries ambientados em outros tempos?
Há muitos filmes maravilhosos como Orgulho e Preconceito, Amor e Inocência, Emma, Les Miserables e muitos outros que fazem a cabeça dos apaixonados por épocas passadas e hoje eu trago pra vocês uma série ambientado no início do século XX: Downton Abbey!
A série conta a história de uma família nobre do interior da Inglaterra e sua relação entre si e com os criados. Conta também sobre as mudanças da época, até a chegada dos anos 20.






















Vou listar alguns motivos para tentar convencer vocês a assistir essa série maravilhosa, ok?

Vamos lá:


Motivo 1: Lady Mary Crawley 

Lady Mary é forte, decidida, empoderada em pleno início do século passado. No início, porém, é mimada, egoísta e esnobe, evoluindo com o decorrer da série. É minha personagem favorita por vários motivos, mas o maior é por ser uma mulher muito a frente de seu tempo.


Motivo 2: Os looks maravilhosos

Como eu disse, a série se passa entre 1912 e os anos 20, portanto o figurino muda bastante! É um look mais lindo que o outro, dá vontade de entrar na TV e pedir um vestido pra Lady Mary! hahahaha



Motivo 3: Os criados

Os criados de Downton Abbey não são figurantes, são também protagonistas, como a família. Ao longo da série vemos o desenrolar de suas histórias pessoais e também suas ligações com a família principal. 


Motivo 4: A paisagem

Downton Abbey se passa em York, porém, o verdadeiro Highclere Castle (o nome da casa onde é gravada a série) fica em Hampshire, Newbury. A casa é aberta a visitação, ok? *correndo*



Motivo 5: Lady Mary Crawley e Matthew Crawley

Lady Mary e Matthew vivem uma relação conturbada, pois Mary é a filha primogênita de uma família de três filhas e Matthew é o primo distante, porém, herdeiro de sua fortuna e de sua casa. Sim, imagine uma coisa dessas hoje em dia, né? Dá pra saber porque Mary não o trata tão bem assim... Porém, Matthew é uma boa pessoa e desperta em Mary o sentimento mais poderoso de todos os tempos: o amor. <3

























Motivo 6: Lady Violet Crawley 

Lady Violet é um ícone! Uma personagem deliciosamente irônica, sábia e inglesa de corpo e alma! Sempre tem conselhos maravilhosos e comentários ainda melhores! Sinto que Lady Mary ao envelhecer vai ser a nova Lady Violet! hahaha 
























Gente, espero ter convencido você a pelo menos assistirem o primeiro episódio que começa com o naufrágio do Titanic! Atualmente Downton já chegou ao fim de sua sexta e última temporada, mas pode ser vista no Netflix (que ainda não colocou a season finale) até a quinta temporada dublada ou legendada. 

E vocês, já assistiram? Gostam? Conta pra mim, gente! Beijos!

15/03/2017

GLAMBOX MARÇO 2017 | MÊS DAS MULHERES

15/03/2017
Oláaa, divas e divos! CHEGOU MINHA GLAMBOX, EBAAA!
Não foi tudo o que eu esperava, mas gostei de alguns produtos.


Gostaram do vídeo? Beeeijinhos!

Playlist para corações apaixonados | 10 músicas para amar e ser amado

Olá, divas e divos! Como vocês estão? Eu to bem!

Quem aqui está apaixonado? Amar é muito bom, né? Te deixa mais feliz, mais bonito, mais inspirado e até mais ansioso! Hoje separei 10 músicas para satisfazer a ânsia que temos de exteriorizar este sentimento, neste caso, cantando muito!
As cinco primeiras músicas são da minha playlist particular, músicas que amo demais, demais, demais e as últimas cinco são as que estão fazendo sucesso neste momento, mas que eu nunca escutei ou não curto muito (menos Photograph, amo essa), mas que humildemente admito que abraçam um coração apaixonado!

1 - The Words - Christina Perri 



2 - I Choose You - Sara Bareilles 


3 - Look At Me - Carrie Underwood


4 - Can't Pretend - Tom Odell 



5 - Grow Old With Me - Tom Odell 


6 - Photograph - Ed Sheeran 


7 - Vida - Henrique e Juliano




8 - Dia, Lugar e Hora - Luan Santana 


9 - Coisa Linda - Tiago Iorc


10 - Duas Metades - Jorge e Mateus 


Gente, eu AMEI fazer esse post! Achei super gostoso procurar músicas com letras tão lindas pra postar aqui pra vocês! Espero que vocês gostem e curtam essas musiquinhas tanto quanto eu (que até hoje não sabia quem eram Henrique e Juliano). Comentem aqui embaixo quais são as músicas românticas favoritas de vocês! Beeeijão!

12/03/2017

Como Conheci Meu Namorado no Tinder

12/03/2017
Olá, divas e divos! Como vocês estão? Eu to beeem, to de tpm, então to chatinha, mas hoje eu to aqui pra falar de um assunto muuuuito especial: meu namoro.
Quem aqui tem um mozão? Quem não tem não precisa ficar na bad, não, pois vou contar como conheci o meu amor e garanto que isso vai surpreender vocês! Hahaha

Meu bebê e eu na cidade onde moro.

Nunca fui uma garota que desperta paixões por aí, nunca fui a mais bonita, nem a mais inteligente, nem a mais simpática e nunca me importei com isso, na verdade. Sempre me senti suficiente. Passei a maior parte da adolescência fugindo dos garotos, apenas a ideia de estar com alguém me deixava muito nervosa e até pouco tempo atrás, confesso que achava a ideia de amar alguém um pouco absurda, pensava que não precisava disso - mas eu precisava, sim. Descobri isso agora.
Aos 18 anos baixei o Tinder, um aplicativo para celulares com objetivo de combinar casais para encontros rápidos ou não. Conheci muitas pessoas no app, mas na maior parte do tempo, admito, foi perda de tempo.  
Pouco depois de completar 19 anos fui para Bertioga, no litoral de SP e convenci meus pais a fazermos um passeio de escuna (desculpa, pai, eu não sabia que você passava mal em barcos hahahaha) e foi bem interessante. Passamos por vários lugares e paramos perto do Guarujá, para um mergulho. Eu não sei nadar, então fiquei na escuna com meus pais e logo voltamos para o hotel (deitados no barco, porque eu também passei mal hahaha). A noite, após jantar, dei uma olhada no meu Tinder e então um garoto muito bonito apareceu pra mim, na sua descrição apenas uma frase: "você não tem nenhum motivo para dar like" e eu, a pessoa mais curiosa que você irá conhecer (depois de um furão, claro) cliquei em like para saber porque eu não iria querer dar like (entendeu?). Conversamos por um tempo e ele me veio com uma frase feita: "no amor e na guerra vale tudo" e eu respondi: "até vir pra Itu?". Creio que foi aí que ele percebeu que eu morava há dezenas de km de distância.
Conversamos por mais algum tempo, até percebermos que o que sentíamos um pelo outro era mais que amizade e também não era paixão: era amor. Ele disse que me amava primeiro e eu disse que também o amava. Começamos a namorar no dia 8 de dezembro de 2015 e continuamos assim por um mês, conversando todos os dias e raramente trocando áudios, visto que ele morria de vergonha da própria voz. 
No dia 15 de janeiro de 2016, fui para o Guarujá conhecê-lo e conhecer sua família. Comigo foram meus pais e minha melhor amiga, Marilia, que está comigo em todos os momentos mais importantes e sempre estará, tenho certeza. 
Foi um momento estranho, um misto de timidez, desespero, diversão e vontade de pular sobre a pessoa amada, mas no fim tudo deu certo. 
Naquele dia dei meu primeiro beijo. Havia me guardado por anos para alguém como ele, que me tratasse como uma princesa como ele me tratou e trata sempre. 
Estamos juntos há 1 ano e 2 meses, entre Itu/Salto e Guarujá, nos vendo uma vez por mês, mas cada vez mais apaixonados. Passamos por problemas como qualquer casal, mas superamos, como superaremos qualquer obstáculo que se atrever a entrar em nosso caminho, pois juntos somos mais fortes, somos o que sempre devíamos ter sido. 
Alguém para amar é mais do que dizer "eu te amo", é demonstrar isso mesmo quando a raiva é grande o suficiente durante uma briga que você deseje apenas ficar em silêncio. Amar é estar com quem se ama, mesmo que não seja fisicamente. Amor não é sexo, não é beijo, não é tirar fotos em frente ao espelho, amor é paciência, é determinação, é aprendizado e sempre, sempre e sempre evolução. 

Ufa! Amei escrever esse texto! E vocês, já usaram o tinder? Me conta aí nos comentários! Beeeeijos!






















10/03/2017

Dica de série: Greenleaf (Netflix)

10/03/2017
Olá, divas e divos! Como vocês estão?

Sabem quando as 254525 séries que você assiste ainda não são o suficiente e você quer mais? E quando você já cansou de maratonar essas séries e quer uma maratona nova? Então, gente, tenho uma dica pra vocês: Greenleaf!






















A série é pra quem ama polêmicas, sabe? É empolgante e cheia de surpresas! Tudo começa quando Faith, filha do bispo Greenleaf morre de forma misteriosa e Grace, sua irmã retorna ao lar depois de 20 anos para investigar sua morte. Nesta família (e nesta igreja) nem tudo é o que parece. Sexo, traição, lavagem de dinheiro e até pedofilia estão entremeados no seio familiar dos Greenleaf.

























A série foi produzida no ano de 2016 por Oprah Winfrey (sim, Oprah!!) e também conta com participações especiais da mesma em alguns episódios, como Mavis, tia de Grace.

A série atualmente está em sua primeira temporada e pertence a Netflix (o que adoramos, né?).

Alguém assiste a série? Pretendem assistir? Conta aqui nos comentários!
Beijos!

06/03/2017

6 on 6: Livros

06/03/2017
Oláaaaa, divas e divos! Tudo bem com vocês?

Hoje estou aqui para postar a minha parte no projeto fotográfico chamado "6 on 6", que é um projeto onde participam 6 blogueiras postando 6 fotos por mês de um determinado tema e o tema de março é: livros! EBAAA!

Eu sou uma pessoa que ama ler, claro que sou bem chata pra escolher livros, gosto de poucos gêneros e minha leitura é quase toda voltado aos romances de época, mas separei alguns livros que são meus xodós pra mostrar hoje aqui. Lembrando que faltou a série Os Bridgertons que estão espalhados pela minha casa e eu fiquei com preguiça de juntá-los para fotografar. Hahahaa

Vamos la:





























Uma pequena parte da minha coleção de livros e só nesse pequeno aglomerado, da pra ver uma parte da minha vida dividida em: Egito Antigo, McFLY, livros Espíritas e livros de época. Tudo o que eu mais amo!






























Este é outro amor: o amor pela França, pela revolução francesa e pela revolução dos estudantes de 1830, amor por Victor Hugo, pela história deste livro lindo e amor por musicais, porque sim, eu amo musicais!






























O Egito Antigo me definiu por muito tempo. Aos 13 anos, sonhava em ser egiptóloga e descobrir os mistérios escondidos sob a areia do deserto daquele país tão mágico e imponente! A Série Ramsés, de Christian Jacq fala sobre a XIX Dinastia, reinado de Ramsés II. É um romance maravilhoso e me fez viajar muitas vezes para as noites elegantes no palácio ou os dias quentes ao lado de meu faraó favorito.





























Este é o livro que estou lendo no momento, ou melhor, relendo. Não, não há nada de especial sobre isso, não é meu livro preferido e nem é uma história que acho cativante, apenas estou relendo porque ainda não comprei o livro 6 da série Os Bridgertons e preciso matar o tempo lendo algum romance de época que me lembre a saga dos irmãos mais queridos da Inglaterra. Hahaha

Estas são minhas fotos para este mês de março, no projeto 6 on 6.

Não se esqueçam de dar uma olhadinha nas fotos das amigas queridas: Eduarda, Brenda, Gabriela, Andy e Priscila.

Não vejo a hora de escrever o próximo post do projeto 6 on 6!

Gostaram das fotos? Espero que sim!
Beeeeijos!